24/10/09

pousar e fugir


Eu comparo o deitar um bebé no berço depois de adormecer nos braços com o pessoal das minas e armadilhas, sabemos que vais rebentar, só não sabemos quando e se dá tempo o suficiente para nos afastar.
Regra numero 1:
Não se afasta da mina (mais conhecida por bebé) virando as costas. Por algum motivo as minhas costas devem fazer barulho, talvez uma ondas sonoras só audíveis a ouvidos de bebés.
Regra numero 2:
Caso se afaste mantendo-se de frente para o berço, acaba sempre por haver algo no chão que não devia ali estar e que vai accionar a ignição da "mina"...click-BUAAAAAAA!!!
Regra numero 3:
Por fim consegue não virar as costas, evitar em macha atrás todos os gatilhos no chão e consegue afastar o suficiente para se poder deitar na cama para finalmente dormir,... BUAAAAAAAAA!!! Porquê a "mina" rebenta mesmo depois de tudo????

Há coisas no Mundo que nunca terei resposta. O que havia antes do Big Bang, o que há depois da morte e porque rebenta a "mina" sem razão.
Enviar um comentário